BELÉM NOSSO BEM – GANG DO ELETRO

Cliente: SBT
Agência: DIRETO

Direção: CASSIANO RICARDO
Direção Geral: JOSÉ PAULO VIEIRA DA COSTA
coord. Produção: LÍGIA COSTA
Edição: BRUNO SARRAF
motions graphics: BRUNO SARRAF
data: 21/06/14

Publicado em Filme Publicitário | Com a tag , , , , , , | Deixar um comentário

O SANTO CASAMENTEIRO

Tem gente que põe a imagem do santo virada pra baixo no copo d’água, outras a botam dentro do freezer ou embaixo da cama. Há aqueles que fazem promessas, ameaças e tudo quanto é necessário pra garantir o casamento tão esperado.

O que poucos sabem é que Santo Antônio, ou Fernando de Bulhões y Taveira de Azevedo, nome de batismo, recebeu o título de santo casamenteiro por ajudar duas moças, que não tinham dinheiro para o dote, a casar. Desde então, várias pessoas acreditam que o santo pode ajudar a conseguir o amor e até o casamento.

A 3D Entretenimento bateu um papo com a Tia Coló, erveira muito conhecida do Ver-o-peso, que ensinou algumas simpantias pra “amarrar” a pessoa amada e mostrou pra gente como preparar o famoso “banho de Santo Antônio”! Confira:

Publicado em Sem categoria | Deixar um comentário

DESERTO – MOTEL MIRAGE

Cliente: MOTEL MIRAGE
Agência: DIRETO

Direção: CASSIANO RICARDO
Direção Geral: JOSÉ PAULO VIEIRA DA COSTA
coord. Produção: LÍGIA COSTA
Edição: GUI COSTA LEITE
motions graphics: ARIEL SANTOS
data: 11/06/14

Publicado em Filme Publicitário | Com a tag , | Deixar um comentário

O QUE É SER EDITOR DE AUDIOVISUAL?

ime de edição da 3D Produções: da esquerda para direita, Mario Costa, Eberti Paulo, Gui Costa Leite, Ariel Santos e Bruno Sarraf.

Time de edição da 3D Produções: da esquerda para direita, Mario Costa, Eberti Paulo, Gui Costa Leite, Ariel Santos e Bruno Sarraf.

 

Do filme à peça publicitária, os editores de audiovisual são os responsáveis pela mágica da montagem, a eles cabe montar o quebra-cabeça, sugerir a melhor forma de apresentar um conteúdo, estabelecem o ritmo que a mensagem será recebida.

Além de selecionar as melhores cenas e organizar tudo de acordo com o roteiro e com a orientação do diretor, o editor, segundo à função específica que tiver,  também faz  a marcação de luz (colorização), insere efeitos especiais e legendas, quando necessário. O trabalho da edição é uma verdadeira caça ao tesouro, é preciso ter olhar crítico, sensibilidade e paciência para que o trabalho saia perfeito ou quase isso.

Para quem acha que edição de audiovisual é uma área glamorosa, prepare-se! É necessário dedicação e tempo, exige várias horas de trabalho. O profissional precisa ser receptivo a diversos tipos de produção e conseguir se  adaptar a diversas linguagens e formatos.

Batemos um papo com o time de edição da 3D Produções, confira:

 

3D: O que te levou a se tornar editor? O que mais te atraiu?

EBERTI PAULO: O que mais me atrai é o vídeo, a arte. Poder trabalhar com propaganda é o que sempre me chamou a atenção. A edição de vídeo não-linear nada mais é do que um dos processos de lapidação do vídeo final. Como editor eu tenho a oportunidade não apenas de fazer um simples corte de imagens, mais sim “recorte” que se faz de alguma realidade ou da história que se quer contar.

 

3D: Na tua opinião, qual os maiores desafios enfrentados pelos profissionais aqui da região?

GUI COSTA LEITE: Hoje o editor, além de fazer seu principal fundamento que é a montagem, ele, pra “sobrevivência” de mercado, precisa saber motion graphics, na grande maioria, ser colorista, um bom entendedor de tecnologia (com essa evolução cada vez mais atuante e rápida) e ter muito jogo de cintura em operacionalizar todo esse mix de conhecimento. E digo mais, cada dia com os prazos mais enxutos. O editor/montador precisa ter muita afinidade e entender a cabeça de cada diretor para que a sinergia do trabalho se mantenha ou até mesmo se supere. Na ilha, é como se fosse o processo de criação do roteiro, porque aqui você, com a sequência de imagens, conta uma história. Posso dizer que aqui, na região ou em qualquer lugar, o MAIOR DESAFIO é a entrada de qualquer job/roteiro na ilha de edição.

 

3D: Como é a rotina de trabalho na área de edição?

ARIEL SANTOS: Trabalhar com motion e animação, onde eu trabalho, é fantástico, todo dia tenho um desafio, sempre tenho que criar algo novo, às vezes algo funciona, às vezes não, daí você tem que se esforçar mais. Não tenho uma fórmula, procuro sempre diferenciar, além de aprimorar minha criatividade. É uma escola.

  

3D: Qual foi o teu maior desafio até agora, na área da edição?

MÁRIO COSTA: Na montagem o maior desafio é contar uma história em frames, é buscar a cena perfeita, o frame perfeito. Esculpimos histórias em frames para que a essência do filme arrebate os espectadores. Meu maior desafio é sempre a próxima montagem, o próximo filme, a próxima história a ser contada.

 

3D: Qual o teu conselho para quem quer ser editor de vídeo?

BRUNO SARRAF: Meu conselho é: seja paciente. Se a pessoa tiver bastante paciência é um ótimo começo. Ser antenado, observador, prestar atenção nos mínimos detalhes e adicionando a criatividade, que é essencial para se trabalhar com edição. Além disso, deve-se escolher em que área do mercado vai atuar, escolher um software para se trabalhar e dominá-lo. Edição de vídeo não é tão simples como muitos pensam. Quem é profissional da área sabe bem o que estou falando, deve-se estar sempre por dentro das atualidades, ter muitas referências e saber tudo, ou quase tudo no mercado. Enfim, seja um(a) apaixonado(a) pela arte da edição de vídeos.

 

Publicado em Sem categoria | Com a tag , | Deixar um comentário

BELÉM NOSSO BEM – JOÃO DE JESUS PAES LOUREIRO

Cliente: SBT
Agência: DIRETO

Direção: CASSIANO RICARDO
Direção Geral: JOSÉ PAULO VIEIRA DA COSTA
coord. Produção: LÍGIA COSTA
Edição: EBERTI PAULO
motions graphics: EBERTI PAULO
data: 02/06/14

Publicado em Filme Publicitário | Com a tag , , | Deixar um comentário